O Desdobramento da Abertura Cdo Capítulo Provincial

CIDADE DE CEBU—Oficialmente o Capítulo Provincial começa no dia 13 de Fevereiro na Casa de Oração de Talavera.

O dia anterior, dia 12 de Fevereiro, foi o dia dedicado ao exercício espiritual dando os capitulares a oportunidade de refletir, de orar, e de pedir a iluminação do Espírito Santo para um Capítulo mais sucedido e frutificante. Dom Sócrates Villegas ( o Arcebispo de Lingayen) dirigiu esse dia de espiritualidade.

O retiro espiritual também foi uma ocasião para os Irmãos curtirem a companhia um do outro em clima de espiritualidade e fraternidade dando-lhes um espaço sagrado em preparação para a revitalização da Província. Espera-se que durante o Capítulo, eles compartilham suas experiências como religiosos no âmbito de seus apostolados específicos e suas esperanças para a mais profunda e mais signi cante vida religiosa e missão no futuro. Ou, para adotar as palavras do Projeto de Vida e Missão dos Agostinianos Recoletos: Para Viver e Proclamar o Evangelho, dando testemunho de vida contemplativa e fraterna para o serviço do Reino e na centelha missão com os leigos. Assim como um Religioso comentou, “nós estamos aqui reunidos orando pela coragem e pela liberdade de ter a ousadia de enfrentar a mais desa ante tarefa de reestruturação e revitalização da Província.”

Na sua homilia, o Dom Sócrates abordou três perguntas importantes para os capitulares refletirem e responderem com toda sinceridade.

• Onde está o seu coração? Nós devemos renunciar o nosso coração e entregá-lo totalmente para Deus e para a Igreja.

• O que te faz feliz? Segundo o Santo Agostinho a felicidade perfeita se encontra na Cruz do Senhor.

• Quem és tu realmente?

Diante do Senhor nós somos só pecadores. Somos feios mas o Senhor nos tocou para sermos agradáveis ou bonitos. Somos miseráveis porém nós somos os Escolhidos do Senhor.

Após da Celebração Eucarística, os capitulares junto com o arcebispo Dom Sócrates como dirigente do retiro espiritual procederam ao Salão Santo Agostinho para dar uns estímulos espirituais. Durante a sessão da manhã, o Dom Sócrates partilhou para os capitulares a ligação entre a re exão do Papa Francisco e da Tria Munera de Cristo ( tríplice munus de Cristo)- o Ministério de encontro com o munus sacerdotal, o ministério de acompanhamento com o munus profético, e o ministério de discernimento com o munus régio de Cristo. A tarde, o Dom Sócrates re etiu sobre a vocação sacerdotal e a vida religiosa uma vez que a Igreja das Filipinas celebra este ano como o Ano de Clérigos e da Vida Consagrada.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *